segunda-feira, 19 de novembro de 2012

Bad day

Não gosto nada de estar assim... sensível.
Tenho tanta coisa na minha cabeça, tenho tanta coisa no meu coração. Quero explodir. Preciso tanto. 
Tenho saudades de uma imensidão de coisas, mas ao mesmo tempo não quero que nada exista no meu pensamento, quero ser só eu. E sinto-me triste, abatida e não me suporto a mim mesma quando estou assim, porque nem faz sentido, tenho tido uns dias tão bons que nem faz sentido querer desaparecer, mas quero. Quero imenso e é só isso que está no meu pensamento neste momento: desaparecer durante uns dias. Mas desaparecer por completo. Não deixar que ninguém saiba do meu paradeiro. Não avisar ninguém. Não falar com ninguém. Simplesmente, fazer com que me esqueçam durante meros dias.

E é nestes momentos que eu preciso daquela atenção especial, daqueles mimos sem igual, que não tenho e que só sinto que não queres saber de mim. Que não queres sequer saber da minha existência e dá-me cabo da cabeça. Magoa-me. Mesmo que nem me tenha que magoar, mesmo que nem seja para me afectar. Não sei. Mas dói. Custa e irrita-me, muito mesmo. 

Precisava que me abraçasses, só isso. 

3 comentários:

Pedacinhos de mim disse...

Tudo o que sentes só mostra a pessoa sensível que és, a pessoa que sente, a pessoa que ama. Pessoas assim já não se encontra muito.
É sempre bom ler-te.

Um Beijo :)*

Maria Gomes disse...

ando mesmo linda, estou bem sim, só que muito ocupada e tu?

Maria Gomes disse...

nao peças desculpa, compreende-se perfeitamente (: nas férias vamos poder passar mais tempo aqui, e elas já estão quase (: beijinhos