domingo, 8 de janeiro de 2012

Espelho da alma


Quando te olhas ao espelho, vês-me a mim; quando me olho ao espelho, vejo-te a ti. Tu és e serás sempre eu, tal como eu sou e serei sempre tu. Desde a primeira vez que os nossos olhos se uniram para um grande amor. Desde as nossas primeiras lições de vida. Desde o início de tudo. Talvez até mesmo antes da nossa história ter começado já éramos um. Ainda te lembras? Eu sim, meu doce.

11 comentários:

filipa alexandra disse...

agora já consigo princesa. não sei não dava. agora vou seguir-te e ler um bocadinho dos teus textos. pelo que li deste, escreves... lindamente!

filipa alexandra disse...

mas continua aqui a escrever para eu poder ler, gostei muito mesmo.
quanto a mim, escrevo com os sentimentos que levo no coração. mesmo que sejam de mágoa, são escritos de alma e coração.

filipa alexandra disse...

vou fazer os 14 em março, e tu?

filipa alexandra disse...

oh querida... ainda tenho que enfrentar muito é verdade. mas aquilo que neste momento atravesso magoa-me mesmo muito. só a escrita me ajuda :)

filipa alexandra disse...

não princesa não deixo. eu consigo sempre erguer a cabeça

joana Δ disse...

não, nunca li. pelo que eu me têm dito, é uma autora que escreve coisas algo sentimentalistas, um pouco ao estilo de Nicholas Sparks e esse campo não me agrada nada.
gosto mais de Paul Auster, Saramago, José Rodrigues dos Santos, Dan Brown. e coisas relacionadas com a II Guerra Mundial e regimes ditatoriais.
até posso estar enganada e Tori Hayden não ser nada sentimentalista no que escreve mas até agora ainda não senti aquele 'bichinho' para ler algum dos seus livros. veremos.

filipa alexandra disse...

ah e qualquer coisa podes também contar comigo :)

joana Δ disse...

então têm andando a informar-me mal. obrigada, terei a tua sugestão em mente.

joana Δ disse...

pois, não posso dizer o que acho do estilo da autora se nunca li nada dela. de qualquer das formas, obrigada pela sugestão, terei todo o gosto em comprar um dia um livro dela de maneira a poder dar uma opinião.

Maria disse...

Obrigada querida, ajudas-te imenso. O teu blog está incrivel, escreves super bem, continua (:

filipa alexandra disse...

não tens que agradecer :)