terça-feira, 6 de março de 2012

Diário de Bordo VI

Segunda-feira, 06 de Março de 2012


Meu querido melhor amigo,
Já ando nisto há mais de 365 dias. Sempre no mesmo barco, a remar para o mesmo lado... E não sei o que fazer à minha vida, querido diário. Não sei. Ultimamente só te me ouves e me compreendes... só que não falas. Mas ó, o teu silêncio é confortante, também e compensa todas as palavras feias que me dizem e até todos os sentimentos angustiantes que me fazem sentir diariamente. Tu és-me fiel. Oxalá sejas o único. E tenho o maior prazer nisso...

Para sempre eu,
em direcção a ti,
 que me preenches os dias...
 mesmo sem dares conta.

2 comentários:

Pedacinhos de mim disse...

Adoro ler estes teus desabafos que aqui colocas, mostras bastante sentimento em cada palavra e para quem lê é muito bom. Em segundo muitos parabéns por um aninho do teu blog, continua sempre a escrever. Um Beijo :)*

Afonso disse...

obrigado (: